Tudo Por Um Fio

Um filme de Cacá Mourhé

Baseado na peça homônima de Maria Clara Machado e Cacá Mourthé

O filme conta a história de Alexandre Graham Bell, inventor do telefone, que era filho de Alexandre Melville Bell e neto de Alexandre Bell todos ligados de alguma forma à “comunicação”. O avô de Alexandre Graham Bell ganhava sua vida como sapateiro, mas o que gostava mesmo era de recitar Shakespeare, por isso um dia largou sua profissão para se tornar orador. O pai de Graham Bell seguiu a mesma carreira de seu pai, foi orador e depois se aperfeiçoou na comunicação de surdos-mudos, tendo sido o inventor da “Fala Invisível”. Viaja muito levando seu método para o mundo todo. Graham Bell desde pequeno tinha adoração pela voz, e pequenininho ainda inventou uma forma de seu cão Sky falar. Mais tarde seguiu o caminho de seu pai e viajou pelo mundo todo ensinando a “Fala Invisível”.
Um dia Graham Bell lendo um livro de seu pai em alemão sobre o mecanismo da fala, como não conhecia muito o idioma, entendeu que existia a possibilidade de duas pessoas conversarem através de um fio. Por isso passou o resto de sua vida fazendo pesquisas para poder em 1876 inventar e patentear o telefone.
O filme será contado por quatro palhaços que se revezam entre os personagens dando um clima lúdico à história.
Tudo por um Fio é a primeira direção para cinema de Cacá Mourthé.

Ficha Técnica

HD (22 min)
Produtoras: MCM Maria Clara Machado e Forte Filmes
Produção Executiva: Renata Paschoal
Direção: Cacá Mourthé
Roteiro: Cacá Morthé e Marcia Zanelatto
Direção de arte: Ronald Teixeira
Fotografia: Cezar Moraes (ABC)
Montagem: Natara Ney
Edição de som: Bernardo Gebara
Som Direto: Marcos Cantanhede
Diretor Musical e musicas: Ricardo Gilly
Figurino: Marcelo Marques
Ano de Produção e Lançamento: 2010
Exibição no Espaço Oi Futuro Flamengo
Patrocínios: OI e Oi Futuro

Trailer